Amigos prestam última homenagem antes do enterro do sanfoneiro Dedim Gouveia na Grande Fortaleza - CE.

Amigos prestam última homenagem antes do enterro do sanfoneiro Dedim Gouveia na Grande Fortaleza - CE.

Amigos do sanfoneiro Dedim Gouveia, que morreu nesta segunda-feira (19) vítima da Covid-19, fizeram uma homenagem ao cantor momentos antes do sepultamento do corpo no Cemitério Memorial da Paz, em Maracanaú, na Grande Fortaleza, nesta terça-feira (20).

Com sanfonas, tambores e outros instrumentos, os amigos tocaram e cantaram alguns sucessos do artista. Usando máscaras de proteção, eles se reuniram no local e prestaram a homenagem. O ato foi gravado e anexado a um vídeo onde aparecem vários momentos da vida e da carreira do músico.

Carreata

Amigos, fãs e familiares se despediram do cantor e sanfoneiro Dedim Gouveia, na manhã desta terça-feira (20) com carreata. Um cortejo com início na Avenida Augusto dos Anjos, no Bairro Bonsucesso, percorreu até o Cemitério Memorial da Paz, em Maracanaú, na Grande Fortaleza.

Dedim Gouveia morreu nesta segunda-feira (19) em decorrência de complicações da Covid-19. O sanfoneiro tinha 61 anos e estava internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Dr. Carlos Alberto Studart Gomes, no Bairro Messejana, desde o último dia 11 de abril.

Amigos prestaram homenagem ao sanfoneiro tocando seus principais sucessos antes do sepultamento.

Carreira

Dedim Gouveia era natural de Redenção, cidade a 60 km de Fortaleza. Cresceu em Serra da Faísca, distrito de Redenção. Na escola, estudou até o 2º grau. Foi criado pela avó Isabel Moreira, sua grande incentivadora no meio musical, que apostava que ainda veria o neto fazer sucesso na música.

Incorporou o apelido de Dedim como nome artístico após começar a tocar sanfona aos 16 anos. Ao todo, lançou 13 CDs, cinco DVDs, embalando vários hits. Uma de suas últimas composições foi “A Natureza É Linda”, lançada em 2020.

O cantor deixa a mulher, quatro filhos, além de uma multidão de fãs e amigos que fez no meio da música.