Acusado de matar cunhado com golpes de capacete é morto com tiro no rosto horas após o crime em Teresina/PI.

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Um homem identificado como Nilton César Pereira de Sousa, de 41 anos, foi morto com um tiro no rosto, na madrugada deste sábado (8/06), no residencial Padre Pedro Balzi, Zona Sudeste da capital Teresina.

Segundo a Polícia Civil do Piauí, ele é apontado como suspeito de ter matado o cunhado, Gleydson Reis Alves Oliveira, com golpes de capacete horas antes de ser morto.

A motivação do crime ainda é desconhecida. Há apenas a informação de que eles teriam tido um desentendimento e entraram em luta corporal, momento em que Nilton César teria dado vários golpes de capacete em Gleydson, que chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Cerca de três horas depois, Nilton César foi perseguido e morto com pelo menos um tiro, no rosto. Por isso, a polícia acredita que a motivação para este crime tenha sido de vingança, pela morte de Gleydson.

A autoria deste crime ainda é desconhecida. Nenhum suspeito foi preso ou identificado até o momento. O caso será investigado pelo Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), da PCPI.

POSTS RELACIONADOS

Inscrever-se
Notificar de
0 Comentários
Feedbacks Inline
Ver todos os comentários
plugins premium WordPress
0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x