Presidente da CBF cogita Dorival Junior como treinador da Seleção.

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ednaldo Rodrigues, que foi reconduzido ao cargo pelo ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), desistiu de manter Fernando Diniz como treinador da Seleção Brasileira masculina e agora tem interesse em oferecer o cargo para Dorival Junior, atual técnico do São Paulo, até a Copa do Mundo. Entre interlocutores, a avaliação é que Ednaldo tenta agradar as federações que desejam sua saída do cargo, entre eles, o presidente da Federação Paulista de Futebol, Reinaldo Carneiro Bastos, o principal articulador do fim do mandato de Ednaldo.

No São Paulo, o presidente Julio Casares é a favor de Reinaldo Carneiro Bastos na CBF. Dorival Junior foi informado sobre o interesse do atual presidente da Confederação de indicá-lo ao cargo. Contudo, a possibilidade de Ednaldo perder novamente a posição devido a uma possível irregularidade na eleição preocupa. A avaliação é que, apesar da proposta tentadora de comandar a Seleção até a Copa de 2026, Dorival não quer correr o risco de aceitar e depois perder o cargo com uma nova destituição do presidente. Publicamente, o treinador do Tricolor Paulista segue sem se manifestar sobre o vazamento de seu nome como possível treinador da Seleção.

POSTS RELACIONADOS

Inscrever-se
Notificar de
0 Comentários
Feedbacks Inline
Ver todos os comentários
plugins premium WordPress
0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x